Harley-Davidson apresenta o Projeto LiveWire para clientes da América Latina

Desde o seu lançamento mundial, em junho, o Projeto LiveWire, primeira motocicleta elétrica da Harley-Davidson, vem percorrendo diversas concessionárias dos Estados Unidos para interagir com os clientes e ouvir suas percepções sobre o modelo. A próxima parada será em Miami, na Flórida.

Seguindo a filosofia da marca de desenvolver produtos com foco no cliente, entre os dias 7 e 9 de dezembro, um grupo de consumidores da América Latina poderá pilotar e dar sua opinião sobre o protótipo, com o objetivo de ajudar a moldar o futuro da primeira motocicleta elétrica da Harley-Davidson. Do Brasil, cerca de 300 clientes se inscreveram no site oficial da empresa – www.harley-davidson.com.br – para terem a oportunidade de andar no Projeto LiveWire. Além disso, três pessoas ganharam um concurso cultural promovido em parceria com a rádio Kiss FM, para viajar a Miami, com um acompanhante, para conhecerem o produto.

Esta estrada que a empresa começa a percorrer com o LiveWire mistura o estilo tradicional da marca com tecnologia de última geração, para oferecer uma nova expressão em termos de som, design e pilotagem, característicos da Harley-Davidson.

“O Projeto LiveWire é mais parecido com a primeira guitarra elétrica, do que com um carro elétrico”, afirma Mark-Hans Richer, vice-presidente sênior de Marketing da Harley-Davidson Motor Company. “É uma expressão de individualidade e com o icônico estilo Harley. O Projeto LiveWire é uma afirmação ousada para nós, como empresa e como marca.”

A moto oferece uma experiência de pilotagem visceral, com uma potente aceleração e um som novo inconfundível.

Sem planos de comercialização até o momento, o Projeto LiveWire foi desenvolvido especificamente para coletar sugestões sobre como deve ser uma motocicleta elétrica da Harley-Davidson, sob a perspectiva dos motociclistas. Desde junho, quando foi lançado, tem percorrido diversas concessionárias dos Estados Unidos com o mesmo intuito. O pontapé inicial foi dado na mais tradicional estrada do mundo, a Rota 66, e a expectativa é de que 30 concessionárias sejam visitadas até o final do ano.

Em 2015, o Projeto LiveWire Experience continuará por estradas norte-americanas, além de ser expandido para outros países. Planos de longo prazo para a sua comercialização serão influenciados pelas opiniões dos motociclistas que estão conhecendo e experimentando a motocicleta.

“Este processo baseia-se em muitas experiências recentes de renovação bem-sucedida da Harley-Davidson”, diz Matt Levatich, presidente e chefe de Operações da Harley-Davidson Motor Company. “Nos últimos anos, temos ampliado nosso alcance para servir a uma sociedade cada vez mais diversificada, bem como reinventamos nossa estratégia para desenvolver e fabricar novos produtos. Isso resultou em motocicletas fantásticas, como as recém-lançadas Touring do Projeto RUSHMORE, a linha Harley-Davidson Street 500 e 750 e o anúncio do Projeto LiveWire.”

Estimulada por essa tradição, a edição especial do Projeto LiveWire Experience para a América Latina convida clientes a testarem, opinarem e aprenderem mais sobre a história do modelo. Mesmo os que ainda não pilotam terão a oportunidade de conhecer o Projeto LiveWire por meio do Jumpstart, uma ferramenta de demonstração inovadora.

Fonte: Harley-Davidson

Autor: Eduardo Azeredo

770 stories / Procurar todas
Do Rio de Janeiro, há mais de 14 anos envolvido com o motociclismo, e atua como piloto de testes e jornalista motociclístico para diversos veículos de comunicação, em especial o Jornal Motocycle, Revista Torque, CarPoint News, entre outros, fazendo avaliações / testes de motocicletas e produzindo matérias a respeito do mundo duas rodas. Também apresentador do programa Duas Rodas News, na emissora Luau TV

Relacionadas »