Motocar atinge marca de 3 mil triciclos vendidos, com faturamento acumulado de R$ 40 milhões

A Motocar, única fábrica brasileira de triciclos, registrou a marca histórica de 3 mil unidades vendidas em três anos no Brasil. Nesse período, o faturamento da fabricante foi de R$ 40 milhões. A Fábrica localizada na Zona Franca de Manaus. Possui capacidade para produzir até 200 unidades por mês.

Com um produto inovador, personalizável para atender às necessidades de diversos modelos de negócios, a Motocar pretende ser uma opção ao mercado de veículos de carga expressa (Até 350 kg).

A empresa já conta com mais de 20 concessionárias pelo país. A expectativa, de acordo com o diretor Comercial, Carlos Venceslau, é abrir mais 40 pontos de venda e vender mais dois mil triciclos até o final de 2018.

O mercado de triciclos é pouco explorado no Brasil, mas é popular em outros países, inclusive na Europa. Apesar de ainda serem pouco conhecidos pelo público, os triciclos são uma alternativa para o setor de transportes de passageiros, por serem mais seguros, confortáveis e higiênicos do que mototáxis. Além disso, os governos tendem a considerar a moto como um meio de transporte perigoso. Por isso, a tendência é que o triciclo seja regulamentado como o principal meio de transporte para a população periférica. “Se está chovendo a moto não é um meio adequado, pois a instabilidade e a insegurança aumentam muito. Os triciclos podem ser cobertos, garantindo maior comodidade e segurança para o condutor e os passageiros,” diz Venceslau.

No mercado corporativo, os triciclos são uma opção para vários tipos de negócios como alimentício, delivery, agronegócio, food service e logística. “Os Triciclos são sinônimos de economia. Eles tem um 1/3 do custo de um veículo utilitário, considerando o custo de aquisição, combustível, manutenção. Os triciclos chegam a fazer 25 quilômetros com um litro de combustível, enquanto um utilitário faz apenas nove quilômetros. Além disso, os modelos destinados ao transporte de pequenas cargas, MCA-250 e MCF-250 que são homologados pelo DENATRAN e o IBAMA têm a capacidade de carregar até 350 kg,“ diz Carlos Venceslau, diretor comercial da Motocar.

Autor: Eduardo Azeredo

770 stories / Procurar todas
Do Rio de Janeiro, há mais de 14 anos envolvido com o motociclismo, e atua como piloto de testes e jornalista motociclístico para diversos veículos de comunicação, em especial o Jornal Motocycle, Revista Torque, CarPoint News, entre outros, fazendo avaliações / testes de motocicletas e produzindo matérias a respeito do mundo duas rodas. Também apresentador do programa Duas Rodas News, na emissora Luau TV

Relacionadas »