Quarta etapa do Supermoto Brasil Cup FPM é marcada por intensas disputas

O Supermoto Brasil Cup FPM, Campeonato Paulista de Supermoto, chegou à sua quarta etapa, a penúltima da temporada. Os melhores pilotos de supermoto do país se reuniram na Brasil Kirin Arena, em Itu (SP), para disputar as corridas no asfalto e na terra.

Mas, antes das corridas, os pilotos entraram na pista para os treinos classificatórios, valendo ainda um ponto extra para o pole position de cada categoria. Rafael Fonseca (Piquet Sports Supermoto Performance Motoparts) na SM1, Wilson Guimarães (Ghost Supermoto Team) na SM2, Danilo Araujo (Garage Supermoto) na SM4, Alex Pavaneli (232 Motorsports) na SM3 Pro, Gustavo Ramos (Pistolinha Racing) na SM3, Lucas Torres (Piquet Sports Supermoto Performance Motoparts) na Speed e Fernando Jimenez na SM Light foram os mais rápidos em suas classes.

Nas corridas da Speed o piloto Lucas Torres mostrou que não estava para brincadeira e liderou ambas as provas de ponta a ponta. O segundo colocado foi Adelmo Dias (Garage Supermoto), o “Portuga”, que manteve a posição nas duas baterias. O terceiro colocado foi Jeferson Valezin (Digital Supermoto Team), que cruzou a linha de chegada em terceiro nas duas corridas. Com os resultados desse domingo, o líder é Irineu Trudes Jr. (JT72/Vrauuu/Boca Racing), o “Juninho”, com 141 pontos, que não participou da etapa por estar lesionado, mas já assegurou o título da temporada por ter grande vantagem sobre o segundo colocado.

Supermoto Brasil Cup - 4ª etapa de 2016

Na SM Light, que divide o grid com a Speed, o grande vencedor foi Fernando Jimenez, que liderou as duas provas do começo ao fim, vencendo com tranquilidade. O segundo colocado foi Alexandre Motta, após manter a posição conquistada no classificatório nas duas provas do dia. O terceiro colocado foi Ranieri Brasil (RB5 Motorsports), que ficou em quarto no classificatório e na primeira bateria, mas conquistou a terceira posição na segunda prova. Com os pontos dessa etapa, Jimenez chegou aos 188 no campeonato e também conquistou o título antecipadamente.

Na SM2 o Wilson Guimarães aproveitou-se da pole conquistada no classificatório e disparou na ponta, vencendo as duas baterias da categoria. O segundo colocado foi seu irmão e companheiro de Ghost Supermoto Team, Cleber Guimarães, que foi o quarto na primeira bateria e o segundo colocado na segunda prova. Francisco Fox (Master Supermoto Sports) foi o terceiro colocado na geral, tendo sido o terceiro na primeira bateria e o quarto na segunda. W. Guimarães é o líder da classe com 180 pontos.
Dentre as nacionais com preparação livre, a SM3 Pro, Alex Pavaneli manteve-se firme na liderança das duas corridas, sagrando-se o vencedor na geral. O segundo, nas duas baterias e na geral, foi Ruan Burdino (RL Motos). Logo atrás, na terceira posição, ficou Marcelo Toma (Impacto Race Team), que foi o terceiro nas duas provas. Pavaneli tem agora 204 pontos no campeonato e está isolado na liderança, precisando de somente mais dois pontos para ser campeão.

Na SM3, motos nacionais “standart”, o vencedor foi Gustavo Ramos, que, nas corridas, foi o segundo e o primeiro, respectivamente. O segundo colocado foi Thiago Marques “Boca” (Boca Racing/SAC Seguros), tendo sido o primeiro e o terceiro nas provas. Eduardo Venzol (Master Supermoto Sports) foi o terceiro colocado após ficar em terceiro e segundo nas baterias. Ramos é o líder da categoria com 188 pontos.

Na SM4 Danilo Araujo soube tirar vantagem da pole position e disparou na frente, administrando a vantagem para receber a quadriculada na ponta em ambas as corridas. Jeferson Valezin foi o segundo colocado na categoria após ter sido também o segundo nas duas baterias. Simão Lawant (Piquet Sports Supermoto Performance Motoparts), tendo que se readaptar ao clima brasileiro e à moto, superou as dificuldades e conquistou a terceira posição em ambas as baterias, subindo ao pódio no terceiro lugar. Araujo é o líder da categoria com 175 pontos.

Supermoto Brasil Cup - 4ª etapa de 2016

Rafael Fonseca, atual campeão da classe principal, a SM1, acelerou forte e não deu chance aos adversários nas duas baterias do dia. Visando o Supermoto das Nações (SMoN) desse ano, Fonseca aproveitou a oportunidade para se preparar para a competição internacional, além de se aproximar do segundo título seguido no Supermoto Brasil Cup, ficando com a posição mais alta do pódio. O segundo colocado foi Pedro Rehn (Piquet Sports Supermoto Performance Motoparts), que pilotou bem e recebeu a bandeirada na segunda posição nas duas provas. Kleber Justino (KJustino Racing), que também vai ao SMoN, mostrou porque foi escalado para o torneio, cruzando a linha de chegada em terceiro em ambas as corridas. Fonseca, com 201 pontos, lidera a SM1.

Obs.: os resultados são extraoficiais e estão sujeitos a alterações previstas no regulamento. Os resultados completos estão disponíveis no site da empresa DL Cronometragem, no endereço www.dlcronometragemesportiva.com.br. As classificações oficiais serão divulgadas pela Federação Paulista de Motociclismo (FPM) através do site www.fpm.esp.br.,

A quinta e última etapa do Supermoto Brasil Cup FPM 2016 será realizada em 5 de Novembro no Kartódromo de Barra Bonita com corridas noturnas.

Autor: Eduardo Azeredo

770 stories / Procurar todas
Do Rio de Janeiro, há mais de 14 anos envolvido com o motociclismo, e atua como piloto de testes e jornalista motociclístico para diversos veículos de comunicação, em especial o Jornal Motocycle, Revista Torque, CarPoint News, entre outros, fazendo avaliações / testes de motocicletas e produzindo matérias a respeito do mundo duas rodas. Também apresentador do programa Duas Rodas News, na emissora Luau TV

Relacionadas »