Pilotos em competição no Brasil agora contam com a segurança passiva de Airfence

Já estava mais que na hora de começarem a priorizar a segurança dos pilotos em provas no Brasil, ainda mais agora depois de uma sequência de acidentes, alguns até fatais. Visando essa segurança, chegam ao país os muros de contenção Airfence, que substituem os arcaicos pneus, ou a completa ausência de qualquer redutor de impacto no entornos de pistas de corrida.

O Airfence é um soft wall, que significa “parede macia” em inglês, capaz de minimizar o choque da motocicleta e do piloto contra o muro de contenção, evitando que todo o impacto termine nos guard rails e paredes de concreto que cercam as pistas. Tem como princípio básico a prevenção, especialmente quanto à gravidade de lesões e traumas em caso de acidente. Em diversas ocasiões, o impacto contra as barreiras de proteção causam muito mais danos do que o tombo em si, que pode ser uma escorregada devido ao piso molhado ou um erro no tempo de frenagem, por exemplo.

A tecnologia tem mais de 20 anos no mercado e é utilizada em mais de 40 países, nas mais importantes competições do motociclismo mundial, podendo ser aplicado também para proteção em track days, competições, cursos de pilotagem e ou quaisquer eventos que envolvam motocicletas em pista de corrida, preservando a segurança dos pilotos com sua eficiência na absorção de impactos.

Com características que permitem grande capacidade de absorção, ao colidir com o Airfence, piloto e motocicleta ficam junto à parede, evitando que seja “catapultado” de volta para a pista, evitando riscos maiores ao próprio e aos demais corredores.
“Esse efeito trampolim é comum em barreiras de pneus, devido ao material ser adaptado ao uso e impróprio para tais fins”, explica Léo Pereira, piloto e proprietário da empresa responsável pela chegada do produto ao país. “Além disso, essas barreiras até têm certa efetividade, mas na maioria dos casos ficam abandonadas e a mercê do tempo. São também pouco higiênicas, o que poderia agravar a saúde dos pilotos, caso exista contato de alguma lesão exposta com as bactérias ali presentes”, ressalta o piloto de motovelocidade.

Trazido com exclusividade para o Brasil pelos sócios Léo Pereira e Cayto Trivellato, o Airfence é item de segurança obrigatório para realização de provas de motociclismo on e off-road em diversos países, onde privilegiam o bem estar dos pilotos, familiares e também do público presente. O produto segue as rigorosas normas de segurança internacionais e confere credibilidade aos organizadores de eventos.

Considerado o número 1 em segurança passiva desportiva, AMA, SBK, MotoGP e FIM, são algumas das organizações e entidades que determinam a utilização do sistema Airfence nas respectivas provas. Inglaterra, EUA, Japão, Espanha e Itália estão entre os mais de 40 países, dos principais circuitos mundiais, que adotaram o método de proteção. Até mesmo a CBM já aprovou e homologou a utilização dos equipamentos nos autódromos brasileiros.

“Os principais pontos que necessitam da instalação do Airfence são obtidos com estudos realizados pelo pessoal técnico responsável: administradores de autódromos, comissões de pilotos e organizadores de evento, seja em circuitos fechados ou naqueles demarcados em vias públicas, como acontece em alguns estados brasileiros”, explica Léo Pereira.

Os equipamentos estarão disponíveis para locação a partir do mês de agosto o que proporciona uma oportunidade única para os organizadores terem um evento mais seguro.

Sobre o Airfence
Desde 1991, tradicional fabricante dos produtos e sistemas de segurança Airfence, pertence a Harim Industrial Co., Seul, Coreia do Sul. Os negócios da marca estão concentrados na Austrália, onde são rigorosamente testados quanto a fabricação e utilização em diversas práticas.

Autor: Eduardo Azeredo

770 stories / Procurar todas
Do Rio de Janeiro, há mais de 14 anos envolvido com o motociclismo, e atua como piloto de testes e jornalista motociclístico para diversos veículos de comunicação, em especial o Jornal Motocycle, Revista Torque, CarPoint News, entre outros, fazendo avaliações / testes de motocicletas e produzindo matérias a respeito do mundo duas rodas. Também apresentador do programa Duas Rodas News, na emissora Luau TV

Relacionadas »