Chega ao Brasil a Ducati 959 Panigale, a versão mais compacta das esportivas da marca

Com DNA de superesportiva, a 959 Panigale confirma as características do modelo maior, a 1299 Panigale, onde a ciclística acertada é um dos grandes destaques.

Dotada de motor de cilindro duplo em “L” com 955 cm³, vem com um novo comprimento do curso e outras inovações que resultam numa curva de torque ainda mais impressionante e potência máxima de 157 hp a 10.500 RPM. De ajuste perfeito, a 959 Panigale é a primeira Superquadro a obter a homologação no Promot 4.

O motor super macio foi projetado para conferir ao piloto uma experiência de pilotagem cotidiana mais prazerosa e de emoção garantida na pista de corrida.

Ducati 959 Panigale

Com o sistema Desmo, as válvulas são fechadas mecanicamente com o mesmo nível de precisão que no estágio de abertura, possibilitando os perfis de cames pronunciados e os tempos de cames radicais necessários para conseguir os típicos padrões de alto desempenho deste modelo. Este sistema é usado em cada motocicleta Ducati e é comprovado constantemente nas motos do World Superbikes e do Desmosedici MotoGP, da Ducati Corse.

O prazo de manutenção do modelo é de 12.000 km (12 meses) e para as inspeções de folga das válvulas somente a cada 24.000 quilômetros.

A 959 Panigale tem silhueta que deriva da 1299 Panigale: carenagem dianteira, traseira e farol foram todos remodelados e ressaltam o DNA da família. Com tecnologia de gente grande, o novo modelo traz o Ducati Quick Shift (DQS), tecnologia de modos de pilotagem incluindo Ride-by-Wire, ABS Bosch de estágio triplo, controle de tração Ducati (DTC) e controle de frenagem do motor (EBC). Todo este conjunto está absolutamente de acordo com os padrões únicos de excelência tecnológica da Ducati. Graças à tecnologia de modos de pilotagem da Ducati, esses sistemas podem ser combinados diferentemente para que a moto tenha três personalidades diferentes. A 959 possui três modos de pilotagem disponíveis: Race, Sport e Wet.

Ducati 959 Panigale

Race: ao selecionar o modo de pilotagem Race (corrida), o piloto pode usar o modo “Alto” garantindo potência de 157 hp com comportamento do motor de alta resposta à abertura da aceleração. O modo Race também reduz o grau de intervenção do sistema DTC, proporciona um EBC orientado a corridas e ABS apenas frontal, sem controle de elevação da extremidade traseira.

Sport: selecionando o modo de pilotagem Sport (esportivo), o piloto pode usar o modo de potência “Médio”, garantindo potência de 157 hp com uma resposta mais suave do motor à abertura da aceleração. O modo Esportivo aumenta ligeiramente o grau de intervenção do sistema DTC e proporciona um EBC com orientação esportiva, ativação do ABS dianteiro e traseiro para maior controle da elevação da extremidade traseira.

Wet: a forma de pilotagem Wet (úmido) disponibiliza o modo de potência “Baixo” para uso em estrada ou pista com potência de 100 hp e uma resposta ainda mais suave do motor à abertura da aceleração. Isso corresponde ao nível máximo de intervenção do DTC, com o ECB de acordo com as condições climáticas e uma configuração ABS mais “invasiva” em termos de eficiência contra travamento e prevenção de elevação da extremidade traseira.

Ducati 959 Panigale

Cada mínimo detalhe da 959 Panigale é uma homenagem a lendária herança de competição da Ducati. A carenagem dianteira e o para-brisa mais largos melhoram e ampliam o desempenho aerodinâmico e também aumentam o visual agressivo da nova extremidade dianteira, que também é aprimorado pelos coletores de ar com seção maior. O design da rabeta dividida é o toque final para uma verdadeira obra de arte: a carenagem da 959 Panigale, que agora inclui coletores de ar laterais redesenhados e novos espelhos retrovisores. A nova moto também está equipada com pedaleiras para o descanso dos pés em lingote de alumínio usinado, para obter melhor aderência das botas ao pilotar.

A 959 Panigale está disponível no tradicional vermelho Ducati com rodas pretas ou na cor Arctic White Silk com rodas vermelhas contrastantes.

Tecnologia Eletrônica

ABS
Os equipamentos de fábrica da 959 Panigale incluem um sistema de freio Bosch ABS 9MP Brembo com sensor de pressão integrado. O sistema de três níveis proporciona distâncias de parada mais curta, com melhor estabilidade em qualquer condição de pilotagem por sua integração completa com os modos de pilotagem. Enquanto o Nível 1 do sistema permite uma intervenção ABS esportiva sem prevenção da elevação traseira, o Nível 2 proporciona a mesma intervenção com a prevenção da elevação traseira ativada. O Nível 3 oferece excelente estabilidade do freio e prevenção da elevação traseira.

Controle de Tração Ducati (Ducati Traction Control – DTC)
O sistema DTC da 959 usa a mesma lógica do software desenvolvido e implementado pela Ducati Corse para suas motocicletas no MotoGP e no World Superbike, oferecendo uma gama de oito configurações desenvolvidas para atender a qualquer condição climática. Enquanto o Nível 8 administra um confiável e elevado nível de interação do sistema com ativação à menor detecção de giro da roda, o Nível 1 proporciona uma tolerância muito mais alta e intervenção reduzida para pilotos altamente experientes.

Ducati Quick Shift (DQS)
O câmbio rápido eletrônico DQS da 959 Panigale permite que a troca de marchas seja realizada quase instantaneamente. Porém, o sistema DQS pode ser desativado para permitir a operação tradicional da caixa de marchas. O sistema consiste em um microinterruptor integrado à ligação da alavanca de troca de marcha, que quando acionado para selecionar uma marcha superior, envia um sinal à ECU principal do motor. A ECU detecta instantaneamente em qual marcha a motocicleta está e então lê a quantidade de abertura da aceleração antes de aplicar uma interrupção pré-programada da injeção e ignição de combustível medida em milissegundos. Esta interrupção eletrônica de frações de segundo na transmissão é programada precisamente para permitir que a próxima marcha seja selecionada sem que seja necessário atuar a embreagem ou fechar a aceleração. O novo motor Superquadro possui ainda um novo sensor de marcha derivado da MotoGP, projetado para otimizar a estratégia de troca de marchas eletrônica e ao mesmo tempo otimizar o desempenho e o conforto.

Controle de Frenagem do Motor (EBC)
O sistema EBC foi desenvolvido pela Ducati Corse para ajudar os pilotos a otimizar a estabilidade da motocicleta em condições de entrada em curvas com a equalização das forças de torque positiva, negativa e retrógrada aplicadas ao pneu traseiro sob condições severas de frenagem do motor. O EBC monitora a posição da aceleração, a marcha selecionada e a taxa de desaceleração do virabrequim sob frenagem intensa e administra as aberturas precisas e totalmente controladas pelo Ride-by-Wire da aceleração para equilibrar as forças de torque agindo sobre o pneu traseiro. O EBS pode ser personalizado de acordo com três níveis diferentes.

Modos de Pilotagem
Os modos de Pilotagem disponíveis são o resultado de uma combinação de tecnologias altamente avançadas. O piloto da 959 Panigale pode escolher entre três modos predefinidos, optando pelo mais adequado para seu estilo de pilotagem: Race, Sport e Wet. O modo de Pilotagem permite variar a potência do motor (Power Mode), os níveis de ABS de intervenção, DTC, DQS e EBC, bem como os gráficos do painel de instrumentos. Cabe ao piloto a opção de personalização de todos os parâmetros para obter o mais adaptado ao seu próprio estilo.

Predisposição DDA +
O DDA + (opção de 959 Panigale, 1299 Panigale e 1299 Panigale S, padrão em R) é o último da geração Ducati Data Anlyzer, que integra o sinal GPS para criar uma “linha de chegada virtual.” O sistema detecta automaticamente, sem exigir a intervenção do piloto, o final do circuito e detecta a interrupção cronométrica. A integração com o sinal de GPS também permite exibir no mapa do circuito a percorrer e os parâmetros principais da motocicleta: abertura do acelerador, velocidade, regime do motor, marcha selecionada, temperatura do motor, intervenção DTC.

A 959 Panigale tem preço sugerido ao consumidor de R$ 62.900,00 e está disponível para pré-venda pelo site da marca italiana, com previsão de chegada às concessionárias de todo o Brasil no final do mês de janeiro, em 2017.

Ducati 959 Panigale

Principais características:

Cores

  • Vermelho Ducati com rodas pretas
  • Arctic White Silk com rodas vermelhas

Equipamentos

  • Novo motor de 955 cm3
  • Embreagem servo assistida com função ‘deslizante’
  • Promot 4
  • Modos de pilotagem (Race, Sport, Wet)
  • Pacote de Segurança Ducati (ABS, DTC)
  • EBC, DQS
  • Amortecedor de Direção Sachs

Autor: Eduardo Azeredo

770 stories / Procurar todas
Do Rio de Janeiro, há mais de 14 anos envolvido com o motociclismo, e atua como piloto de testes e jornalista motociclístico para diversos veículos de comunicação, em especial o Jornal Motocycle, Revista Torque, CarPoint News, entre outros, fazendo avaliações / testes de motocicletas e produzindo matérias a respeito do mundo duas rodas. Também apresentador do programa Duas Rodas News, na emissora Luau TV

Relacionadas »